Lua de mel no Brasil: 20 destinos para todos os gostos

Planejar o casamento é muito bom! Pensar em cada detalhe e viver todos os momentos pré-casório é algo especial na vida dos noivos. E depois de tanta correria e expectativa, os recém-casados merecem ter a melhor lua de mel possível.

Para os pombinhos que estão em busca de uma viagem por aqui mesmo, no Brasil, indicamos 20 destinos para diferentes gostos. De praias paradisíacas a cidades para curtir um friozinho em frente à lareira, veja qual é o seu preferido.

Praias paradisíacas

Angra dos Reis (RJ)
Situada a 170 km da capital carioca, tem 365 ilhas deslumbrantes e 2 mil praias. Os cenários são românticos, ideais para lua de mel. Trilhas e passeios de barco são fundamentais para desbravar ao máximo suas belezas.
Melhores épocas: é um destino mais procurado no verão, mas a primavera e do outono são bastante agradáveis, pois contam com temperaturas mais amenas. No inverno, as temperaturas são baixas.

Arraial D’Ajuda (BA)
O distrito do município de Porto Seguro é um povoado tranquilo e muito agradável. Além de praias belíssimas, como a de Pitinga, tem ruas graciosas, restaurantes e bares aconchegantes e um centro histórico que vale a pena ser visitado. Para quem curte esportes radicais, o Eco Parque, cheio de tobogãs, piscina com ondas e rio artificial é parada obrigatória.
Melhores épocas: o sol brilha por lá o ano inteiro e a alta temporada acontece entre os meses de novembro e março. Os meses de maio e junho são os mais tranquilos.

Canoa Quebrada (CE)
A praia, distante cerca de 160 km de Fortaleza, tem paisagem exuberante, com dunas, falésias e mar verde. Atrações como passeio de jangada, bugue, triciclo, cavalo, voos de parapente são muito procuradas. Diz a lenda que os casais que visitam juntos Canoa Quebrada, não se separam nunca.
Melhores épocas: tem um clima estável e a temperatura fica entre 27ºC e 30ºC durante todo o ano, mas o verão, com certeza, atrai mais visitantes.

Fernando de Noronha (PE)
O arquipélago é constituído por 21 ilhas e ilhotas. A área principal tem 17 km² e chama atenção pelas praias de areia dourada, mar em tons de azul turquesa e verde esmeralda, corais, mata e formações rochosas. Entre as principais atividades relacionadas à natureza em Fernando de Noronha está o mergulho. Há diversas opções entre hotéis e pousadas para os turistas, além de restaurantes de gastronomia variada.
Melhores épocas: o clima é agradável, fazendo temperaturas altas durante o dia e refrescando à noite. De agosto a fevereiro é um período seco e, de março a julho, mais chuvoso (mas não significa que chove todos os dias).

Praia do Cachorro, em Fernando de Noronha, romântico cenário para lua de mel
Praia do Cachorro, em Fernando de Noronha, romântico cenário para lua de mel

Ilhabela (SP)
No litoral norte do estado de São Paulo, a ilha é um ótimo local para quem aprecia a prática de esportes náuticos, especialmente a vela. A paisagem constituída por montanhas, areia dourada e mar azul é deslumbrante. Há ainda muitas pousadas, hotéis, restaurantes e lojas de artesanatos ao redor da vila.
Melhores épocas: durante a primavera e o verão, o clima é ideal para visitar as praias e fazer programas ao ar livre, sendo fevereiro o mês mais quente. Durante o inverno e o outono, a ilha promove alguns festivais locais e conta com uma brisa fresca e ruas mais tranquilas.

Jericoacara (CE)
A antiga vila de pescadores situada a 300 km de Fortaleza mantém a simplicidade e conserva ruas de areia e sem iluminação pública. A praia está entre as dez mais lindas do mundo e é perfeita para a prática de esportes náuticos, como kitesurf e windsurf. Passeios de bugue nas dunas e a apreciação do pôr-do-sol são outros atrativos locais, além dos barzinhos e festas ao som de forró.
Melhores épocas: em Jeri faz calor o ano inteiro. As médias anuais variam entre 35°C no verão e 22°C no inverno e a época de chuvas vai de janeiro a junho. O segundo semestre é mais seco e agosto é o mês que mais venta, ideal para alguns esportes náuticos.

Lençóis Maranhenses (MA)
Situado na região nordeste do Maranhão, o parque está distribuído pelos municípios de Barreirinhas, Primeira Cruz e Santo Amaro do Maranhão. É  ideal para quem busca paz em meio a lagoas rodeadas por dunas intermináveis. A cidade de Barreirinhas, a 250 km de distância da capital maranhense, tem boa estruturada para receber visitantes.
Melhores épocas: de junho a setembro as lagoas estão cheias e os dias limpíssimos e azuis sem rastro de nuvens ou chuva!

Maceió (AL)
A capital alagoana tem um cenário natural paradisíaco e uma infraestrutura de cidade grande, mas com clima de interior. Há inúmeras opções de passeios românticos, com destaque para as piscinas naturais que se formam nas praias protegidas por barreiras de corais da região. Uma das praias, a da Gunga, lista entre as mais belas do Brasil.
Melhores épocas: é calor o ano todo, mas no verão as temperaturas costumam passar dos 30°C , além de ser o período mais seco do ano. O inverno é mais chuvoso, especialmente entre abril e julho.

Maragogi (AL)
Com a fama de ser o “Caribe brasileiro”, a vila fica distante 125 km de Maceió e é repleta de aquários naturais. O mar cristalino e calmo combinados aos coqueirais formam cenários paradisíacos. Entre as atrações turísticas, vale conferir as travessias de rio que levam até as ilhas, onde há construções históricas.
Melhores épocas: com sol na maior parte do ano, tem temperaturas que alcançam facilmente os 30°C no verão. Entre abril e agosto há maior probabilidade de chuvas.

Natal (RN)
As praias esbanjam beleza e tranquilidade. Mergulhos em águas transparentes e passeios de bugue pelas gigantescas dunas da região são as atrações principais. Vale a pena ir até Maracajaú, um complexo de piscinas naturais perfeito para quem curte mergulhar.
Melhores épocas: com altas temperaturas e dias de céu claro em todas as épocas do ano, o clima não varia muito. No inverno, há incidência de chuvas, mas é possível aproveitar bons dias ensolarados.

Praia do Rosa (SC)
Situada na cidade de Imbituba, com 2 km de areia branca e uma lagoa de águas salgadas e calmas, o destino ainda é pouco frequentado. Ideal para quem quer fugir de praias super povoadas, é boa pedida para casais em lua de mel. Foi internacionalmente reconhecida pelo clube The Most Beautiful Bays in the World como uma das mais belas baías do mundo.
Melhores épocas: no período de agosto a novembro, anualmente, é possível avistar baleias francas que aproveitam as águas quentes do litoral para fugir do frio intenso da Antártida.

Paraty (RJ)
A cidadezinha histórica que fica no litoral sul do estado do Rio de Janeiro é cheia de possibilidades. Desde um passeio de escuna até um jantar romântico, os casais encontram diversão e aconchego para a lua de mel. A cidade conta, por meio de suas ruas e vielas, um pouco da história da colonização do Brasil.
Melhores épocas: no verão a cidade atrai mais turistas, mas de novembro a março a incidência de chuvas é maior. Além disso, há atrações ao longo do ano todo, a exemplo da já conhecida Festa Literária Internacional (Flip), que movimenta a cidade, e acontece entre os meses de julho e agosto.

Porto de Galinhas (PE)
A praia localizada no município de Ipojuca, sul de Pernambuco, é rodeada por piscinas naturais de águas mornas e transparentes. É um local que atrai quem gosta de mergulhar e as praias são frequentadas por surfistas devido as fortes ondas. É também destino ideal para casais em lua de mel devido ao cenário deslumbrante.
Melhores épocas: a média anual de temperatura dessa região gira em torno de 26ºC, garantindo que a água do mar esteja morna durante todo o ano. O clima sofre variações com o passar das estações e fica chuvoso no inverno, principalmente entre abril e agosto.

Águas cristalinas de Porto de Galinhas
Águas cristalinas de Porto de Galinhas

Trancoso (BA)
Simples e charmosa, assim é a antiga vila de pescadores, com praias encantadoras e uma tranquilidade ímpar. O centro da vila, chamado de “Quadrado”, reúne bares, restaurantes, lojinhas e a igreja em volta da praça. O passeio de barco que leva até Caraíva, um povoado 40 km distante de Trancoso, é ótimo para quem desejar aproveitar uma boa noite de forró.
Melhores épocas: as temperaturas são altas durante o ano todo na região, no verão há mais eventos ocorrendo na cidade, para quem busca agitação.

Para curtir o friozinho

Campos do Jordão (SP)
O município localizado na Serra da Mantiqueira é famoso pela atmosfera europeia. Além das belezas naturais da serra, a badalação dos bares no centro da cidade atrai visitantes. Vale a pena conhecer o Morro do Elefante e a cervejaria artesanal Baden Baden. Os hotéis e pousadas oferecem aconchego total para quem quer curtir o frio com muito romantismo.
Melhores épocas: com clima frio e seco, é comum os termômetros registrarem temperaturas negativas no inverno. A alta temporada tem início no feriado de Corpus Christi e vai até agosto. Em julho, a cidade sedia seu famoso Festival de Inverno.

Gramado (RS)
A cidade localizada na região da serra gaúcha tem forte influência da imigração alemã e italiana. O ar de aconchego e delicadeza está por todas as partes e o clima de frio atrai grande número de turistas. A gastronomia local é um capítulo à parte, marcada pelos produtos coloniais, presentes principalmente nas fartas mesas de café.
Melhores épocas: no inverno, as mínimas médias são de 8ºC, mas chegam facilmente a menos de 0ºC. Chuvas são comuns o ano todo, com incidências menores no período entre abril e junho. No final de novembro até janeiro, a cidade fica repleta de belas hortênsias.

Monte Verde (MG)
O distrito do município de Camanducaia (MG) fica a 1554 metros de altitude e oferece cerca de 200 pousadas. O inverno de temperaturas bem baixas atrai turistas, entre eles casais em lua de mel. Seu relevo montanhoso e vegetação abundante da Mata Atlântica são um deleite aos olhos.
Melhores épocas: em épocas como maio, junho e julho, a temperatura pode atingir marcas negativas e estar até 4°C a menos do que em regiões próximas

Lua de mel em Campos do Jordão
Vista da cidade de Campos do Jordão a partir do ponto do morro do Elefante.

Casais aventureiros

Bonito (MS)
O destino, como o próprio nome diz, é espetacularmente bonito e tem atrativos diversos, como a Gruta da Lagoa Azul. É ótima sugestão para casais que querem fugir de uma lua de mel no litoral, mas também buscam um cenário paradisíaco e gostam de programas relaxantes de ecoturismo.
Melhores épocas: entre dezembro e março o calor é intenso com temperaturas na casa dos 35ºC e maior ocorrência de chuvas. Do meio de dezembro ao início de fevereiro, a Gruta da Lagoa Azul fica ainda mais deslumbrante. De maio e agosto é a época mais seca, em que os rios estão mais cristalinos, mas as temperaturas caem bastante.

Chapada Diamantina (BA)
No coração da Bahia, é um destino mágico e encantador. Esconde belezas como rios, cachoeiras, imensas formações rochosas e ainda pequenos vilarejos. É opção certeira para recém-casados aventureiros, pois, para alcançar as certos locais, é preciso fazer longas caminhadas que exigem esforço e disposição (mas valem muito  a pena!)
Melhores épocas: entre os meses de abril e outubro chove pouco, o que é indicado para a realização das trilhas. Entre novembro e março, as chuvas são intensas, tornando esses programas perigosos.

Chapada dos Veadeiros (GO)
Na região de cerrado, no nordeste do estado de Goiás, abrange cinco municípios. Conta com cenários como paredões rochosos e cachoeiras que formam piscinas naturais e cristalinas. É destino bom para aventuras, pois oferece trilhas mata adentro e esportes radicais, como rapel e tirolesa. Para quem busca calmaria e tranquilidade, o local também proporciona paz de espírito e passeios calmos e até místicos.
Melhores épocas: por conta das opções de passeios e atrações, recomenda-se ir de abril a setembro, quando ocorre o período seco.

Cachoeira do Ferro Doido, na Chapada Diamantina
Cachoeira do Ferro Doido, na Chapada Diamantina

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *