A escolha dos doces para a festa de casamento

A mesa de doces é um dos cantinhos da festa que deixa qualquer convidado com água na boca. E não é para menos.

De diversos sabores, formatos e cores, dificilmente alguém resiste a pelo menos um dos docinhos.

Foto: Reprodução/Pinterest

A seguir, confira dicas para caprichar na escolha dos doces do seu casamento e surpreender os convidados.

É preciso degustar!

O primeiro passo para decidir quais doces irão ser oferecidos no casamento é escolher uma doceira de mão cheia. Muito além da aparência o que fica na lembrança dos convidados é o sabor.

Marque uma degustação nas doceiras que tiver como referência. Prove desde os doces tradicionais aos mais moderninhos e peça ainda para ver fotos de casamentos em que a empresa já tenha sido fornecedora.

Foto: Reprodução/Pinterest

A hora de decidir

Após o casal ter sido conquistado pelo estômago é a hora de escolher os doces que serão servidos na festa.

Para agradar a um número maior de convidados a sugestão dos profissionais da área é optar entre 10 a 12 sabores diferentes.

Na dúvida, chocolate, ganache, brigadeiros gourmet, nozes, castanhas, coco e frutas são pedidos chave para qualquer festa.

Foto: Reprodução/Pinterest

Quantos doces encomendar?

A quantidade de doces para a festa deve ser calculada de acordo com o número de convidados.

Em uma cerimônia durante o dia recomenda-se em média de seis a sete doces por pessoa.

Para casamentos noturnos o número é menor, sendo que quatro ou cinco doces são suficientes.

Foto: Reprodução/Pinterest

A arrumação da mesa de doces

Uma mesa de doce respeitável deve encher os olhos dos convidados e deixá-los com água na boca.

O bolo sempre deve ser o grande destaque, posicionado no centro e no alto da mesa. Para organizar os doces separe-os em bandejas diferentes conforme o sabor. Use plaquinhas para identificá-los.

Termine arrumando a mesa com itens que remetam a decoração da festa.

Foto: Reprodução/Pinterest

O bem-casado

Símbolo de união, os bem-casados tem presença confirmada na maioria dos casamentos.

O doce pode ser servido durante a festa ou ser entregue como lembrancinha aos convidados, afinal quem nunca separou um bem-casado para levar para casa e comer no dia seguinte?

Para acertar na quantidade de bem-casado calcula-se de dois a três por pessoa.

A dica é que o doce seja embrulhado seguindo a tendência de decoração da festa, com cores ou elementos, como rendas, pérolas ou juta.

Se a intenção for que o bem-casado seja a lembrancinha, deixe-os em uma mesa próxima a saída do local da festa. Junto com um café para os convidados.

Foto: Reprodução/Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *